Thiago Zavaschi R2 www.zavaschi.com

22Sep/105

Faça um DBA feliz! #1

Olá pessoal!

Você como desenvolvedor deve pensar que agradar àquele cara que fica sentado junto ao pessoal de infra é difícil, mas não é não!

Essa série irei passar pequenas dicas que podem facilitar (e muito) a vida do DBA. No final das contas ele pode até te pagar uma cerveja por isso :).

É muito comum encontrar cenários de bases de dados SQL Server unificadas, e diversos (eu falei, diversooos!) sistemas que a utilizam.

É muito comum também existirem certas queries que não estão, digamos, muito otimizadas e que forçam muito o servidor. É papel do DBA identificar, tentar corrigir se possível e avisar aos responsáveis.

O problema é justamente saber a quem avisar… Existe uma solução muito simples pra isso.

Quando o DBA está visualizando o que está acontecendo no banco, se a aplicação informar, aparece o nome da aplicação, caso contrário aparece: .NET sqlClient Data Provider (nome genérico e sem significado de negócio direto).

É possível especificar um parâmetro opcional na connection string chamado Application Name e resolver isso:

Data Source=SERVIDOR;Initial Catalog=BASEDEDADOS;User Id=USER;Password=PASS;Application Name=NomeAplicacao;

Isso resulta numa bela visão para facilidar o tracking do DBA!
Comando executado:

select spid, program_name, * from sys.sysprocesses
where program_name <> ''

image

É isso pessoal. A ideia desta série é ter posts curtos e diretos! O próximo deve ser relacionado ao SQL dinâmico, não percam!

Abraços e excelente fim de noite!

Comments (5) Trackbacks (2)
  1. Dae Thiago!!
    Cara, muito boa essa dica, isso facilita muito para os DBA’s
    Abs!

  2. Show Zavaschi… gostei da ideia destas dicas. Realmente facilitar a comunicação e trace dos problemas é fundamental. Fico no aguardo do proximo post.

    Abraço!

  3. Maravilha isso Zavaschi! Não custa nada pro developer colocar um atributo a mais na ConnectionString, mas ajuda muito o DBA. Agora ele tem a quem culpar :D

    Abraços!

  4. Show… Com esse pequeno ajuste fica fácil descobrir aquela aplicação que esta consumindo nosso server.
    Parabéns Zavaschi.

  5. Muito bom Zavaschi! Hoje na empresa coleto as informações com o profiler e crio uma base de analise agrupando por application Name. Agoro posso saber qual aplicacao está disparando mais requisições para o server de banco de dados.
    Muito Boa dica..vai ajudar a vida dos DBA’s daqui pra frente


Leave a comment